Xperience Efficiency 2014

imageA Schneider Electric realiza o evento Xperience Efficiency em Lisboa nos dias 13 a 16 de Maio, nas instalações da Faculdade de Medicina Dentária. O evento destina-se a divulgar tecnologias e soluções de gestão de energia, automação e tecnologias da informação para as cidades do futuro.
O Xperience Efficiency 2014 contara com mais de 70 sessões temáticas a cargo de especialistas e oradores da indústria, agências governamentais, universidades e empresas. Para mais informações sobre este evento, clicar AQUI.

Anúncios

Consumo de Energia em Edifícios

A partir de hoje, a base de dados estatísticos sobre consumos de energia em edifícios residenciais e não residenciais nos países da União Europeia, podem ser acedidos directamente a partir desta página. Basta clicar no logótipo do projecto ENTRTANZE, que se encontra na coluna à direita desta página.

O projecto ENTRANZE (Policies do ENforce the TRAnsition to Nearly Zero Energy buildings in the EU-27) tem como objectivo compilar dados que auxiliem a elaboração de políticas e medidas de racionalização de consumos energéticos.

"Bio-azulejos" são alternativa à cerâmica

image Até os azulejos podem ser baseados em materiais renováveis. Os investigadores dos Instituto Fraunhofer (Alemanha) vão apresentar na International Green Week (Berlim, 18 a 27 de Janeiro) novos compósitos bioestáveis que podem ser usados em arquitectura e design de interiores.
Os novos materiais consistem numa mistura de resina epoxi de óleo de linhaça, várias fibras naturais e terra de diatomácias, um material extraído de diatomácias fossilizadas. Os novos biomateriais para azulejos, como os que foram desenvolvidos pelo Instituto Fraunhofer de Mecânica de Materiais (IWM) de Halle (Alemanha), são amigos do ambiente, leves e – dependendo da fabricação e das propriedades do material – mais eficientes do ponto de vista dos recursos e da energia, comparativamente os materiais cerâmicos convencionais. "O compósito não é rígido como o vidro nem quebradiço como a epoxi convencional, mas flexível e dobrável" – diz Andreas Krombholz, cientista da divisão de compósitos naturais do IWM. Os novos compósitos abrem novas perspectivas à arquitectura. No processo de moldação, podem ser formatados com maior grau de liberdade, em quadrados, triângulos ou círculos, por exemplo. As combinações e cores podem ser a pedido.

Adicionando pigmentos fluorescentes à mistura, podem obter-se azulejos luminosos. Isto significa que podem ser usados, em exteriores e interiores, como sinalizadores luminosos em paredes ou pavimentos. Os bio-azulejos também podem ser instalados em cozinhas ou casas de banho, bem como em coberturas de solo interiores.

Tecnologias da informação para as cidades do futuro

"Urban Solutions" é um dos temas em foco na feira CeBIT, para antecipar as respostas ao mercado emergente criado pelas previsões: a população urbana, actualmente de cerca de 3,5 mil milhões de pessoas, deverá atingir os 5 mil milhões em 2030. A China, que prevê construir 500 novas cidades nos próximos 20 anos, deverá ficar com metade da população urbana mundial. Esta tendência tem implicações profundas no mercado das tecnologias e dos serviços de instalação, em áreas como a distribuição, a gestão de resíduos, a protecção do ambiente, a logística e mobilidade, a, os serviços públicos, as redes de dados, a gestão da energia e climatização em edifícios, etc.
Todo o pavilhão 11 da feira de Hanover será dedicado a este tema, com iniciativas, apresentações técnicas e patrocínios de empresas como a Audi (mobilidade), a E.ON (distribuição de energia), a Rittal (centros de dados), a IBM, a associação BITKOM, etc.. A feira CeBIT realiza-se nos dias 6 a 10 de Março em Hanover.

Automação de edifícios cada vez mais wireless

A percentagem de sensores wireless no total de sensores utilizados em aplicações de automação de edifícios foi de 15% em 2011, segundo um relatório elaborado pela IMS Research, referente aos mercados EMEA (Europa, Médio Oriente e Ásia) e Américas. Os analistas da IMS prevêem que essa percentagem aumente para 25% até 2015.
A principal vantagem dos sensores wireless é a facilidade de instalação, sobretudo em edifícios existentes, já que evitam furações, roços e cablagens. Os sensores cablados manterão a maior quota de mercado, basicamente por razões de substituição e de preço.

Jornadas Técnicas Fluke

image Nos dias 15 de Março, em Leiria, e 16 de Março, no Porto, realizam-se as Jornadas Técnicas Fluke para a Indústria.
O programa inclui três temas:
– Medida da Qualidade do Fornecimento Eléctrico;
– Termografia;
– Diagnóstico por vibrações.

Para aceder ao programa completo e inscrições, CLICAR AQUI.

Utilização eficiente da água em edifícios

Estão abertas as inscrições para o Curso “Prosperidade Renovável – Água I” que terá lugar entre os dias 1 e 4 de Março. Focado no uso e aproveitamento eficientes da água, o curso conta com a participação dos seguintes formadores: Arq. Livia Tirone, Eng. Helena Farrall, Eng. Ken Nunes, Arq. Jorge Barros, Professor António Bento Franco, Dr. Vítor Simões, Eng. António Frazão, Eng. Valter Fernandes e o Eng. Jaime Melo Baptista. Culminará com visitas a casos de boas práticas, a realizar nos dias 25 e 26 de Março e no dia 9 de Abril de 2011. As visitas incluirão espaços, edifícios e infraestruturas que habitualmente não se encontram acessíveis ao público. 

Leia mais

%d bloggers like this: